Início > Meus Artigos, Reflexões > O RETORNO DOS DEUSES: BAAL, MAMON E ASTAROTE

O RETORNO DOS DEUSES: BAAL, MAMON E ASTAROTE


Por Renato A. O. de Andrade
———————

As culturas antigas costumavam ter religiões politeístas, onde haviam vários deuses criados pelo próprio homem e cultuados para se justificar uma filosofia qualquer. Concebia-se uma ideia como, por exemplo, sacrificar as criancinhas, depois moldava e materializava essa ideia em uma representação artística como esculturas, gravuras, arquiteturas etc. e por fim passava-se à execução daquela ideia, em nosso caso, sacrificava as crianças em nome do deus concebido para dar forma ao pensamento desejado pelo povo.  Ou seja, era uma forma de satisfazer o egocentrismo do ser humano sem sentir culpa e sem ter necessidade de arrependimento e mudança de pensamento e atitude. Assim eram e sempre serão as religiões, sejam elas antigas, modernas ou futuras…

Mas o fato é que o caminho de Jesus não é uma religião, porque não é uma ideia concebida para agradar o ego do ser humano, mas sim para transformá-lo pelo amor e por amor. Ao invés de satisfazermos a nós mesmos, Jesus nos convida a fazer as coisas pelo próximo. Isso significa que em Jesus não servimos a nós mesmos nem as nossas ideologias, mas a ideologia do Reino, isto é, a prática do amor verdadeiro, sem interesses.

O mundo atual se diz livre dos zilhões de deuses pagãos de antigamente (com exceção da índia e seu hinduísmo, onde predominam mais de 15 mil divindades). A cultura capitalista se vê cada vez mais longe das religiões devido aos grandes avanços tecnológicos e os alegados “progressos” científicos. Assim, alega-se que o ser humano em breve estará totalmente livre dos deuses e das religiões… Quanta cegueira e autoengano…  Esquecem que toda a história humana é cíclica e só mudam os personagens, porque desde que o ser humano pisou na terra, ele tem sido o mesmo de sempre.

A verdade é que os deuses antigos ressurgiram e talvez com mais força do que antigamente. Já não estão em estátuas ou pictogramas, mas na ideologia social, o que significa que mesmo aqueles que se declaram ateus e sem religião estão sujeitos a eles. O mundo não percebe, mas os deuses estão vagando pela terra nesse exato momento, propagados pela mídia e pela globalização. Os mesmos deuses das civilizações que chamamos de “primitivas” e “ignorantes” retornaram do além, das fronteiras da história. Sim, os mesmos que exigiam sacrifícios de crianças, libações e prostituição cultual estão entre nós, uma civilização teoricamente mais civilizada, mais avançada…  Os ateus  e neodarwinistas dizem: não precisamos de deuses! Mas estão cegos, não enxergam que eles mesmos os adoram.

Quem são esses deuses afinal? O nome deles variavam de cultura a cultura, mas em essência eram todos a mesma coisa: uma ideologia concretizada e materializada em uma religião. Agora não precisamos mais de materializá-los em estátuas, basta que passamos sua filosofia [ara frente e o mundo se curvará diante deles. Vos apresento Baal, Mamom e Astarote, a trindade infernal que hoje impera nos círculos sociais e até mesmo nas chamadas igrejas… Os três representam ontem, hoje e sempre tudo aquilo que a humanidade decaída sempre quis: poder, dinheiro e deturpação do sexo.

BAAL

Baal certamente é um dos deuses mais antigos e o mais adorado em quase todas as culturas antigas. Baal geralmente era o deus supremo, adorado pelos sumérios, babilônios, fenícios, filisteus e tantas outras civilizações antigas, com este nome ou outro. Mas o interessante é que a palavra Baal significa “senhor”. Isso designa um posto de autoridade e Baal era de fato o deus superior do panteão segundo as tradições. Assim, Baal está intimamente ligado ao Poder.

Ter poder sobre o próximo sempre foi um grande sonho do homem, e Baal estava lá para legitimar esse desejo. Baal representava o poder absoluto dos imperadores e dos governantes. Os sacrifícios a Baal eram geralmente crianças e recém-nascidos, o que ocasionava mais poder ao Baal, isso é, ao Estado. Afinal, poder-se-ia facilmente fazer controle de natalidade exigindo sacrifícios a esse deus, e com isso aumenta o poder dos governantes.

A sede de poder sempre esteve presente na história humana, mas numa civilização que se gaba de ser mais avançada (embora particularmente no Brasil até o final do séc. XIX ainda havia escravidão…) tal ganância deveria ter dado lugar a um ideal de igualdade total em amor. Mas não há isso, pelo contrário, por mais que os evolucionistas dizem que evoluímos, na verdade não evoluímos nada. O espírito de Baal continua forte em nossas políticas corrompidas, em nossas clínicas de aborto (sempre com o nome pomposo de “Planejamento Familiar”) em nossas injustiças, enfim, o deus mais adorado hoje continua sendo Baal.

Baal também entrou nas igrejas. São pastores que querem mandar em todos os aspectos da vida de suas ovelhas e os escalões de poder numa hierarquia que não deveria existir. E claro, há também as constantes brigas dentro da família pra ver quem manda em quem. Isso tudo atende a um único nome: Baal.

Assim, parafraseando Lord Acton: “Baal corrompe e o Baal absoluto corrompe absolutamente”.

Mas o espírito do verdadeiro seguidor de Cristo deve ficar longe disso. Ao contrário da pregação dos modernos baalins, Jesus nos convida a descer de nosso posto e caminhar com nosso próximo de igual pra igual. O poder pertence somente a Jesus e a mais ninguém.

MAMOM

Quem acha que está livre de religião e não adora a nenhum deus mas tem grande apreço pelo capitalismo e o consumismo deve pensar duas vezes antes de sair se declarando ateu. Mamom é uma palavra hebraica para tudo que personifica dinheiro. O capitalismo moderno (que é derivado do calvinismo, segundo Max Weber) define que para ser feliz é preciso comprar, vender e ter dinheiro e em quantidades cada vez maiores. Nunca na história da humanidade correu tanto dinheiro como corre hoje em nossos comércios, bancos e bolsas de valores. Isso implica que a idolatria a Mamom em nossos dias é mais forte do que nunca…

Porém, a filosofia de Mamom não se resume ao dinheiro, este é apenas um objeto canalizador da verdadeira natureza do deus Mamom: o egocentrismo. Diz um ditado popular que dinheiro é poder. Assim, Mamom é Baal. Logo, Mamom e Baal são a mesma coisa, a diferença é que Mamom é a segunda pessoa da Trindade…  De fato, não é novidade pra ninguém que dinheiro e poder caminham juntos. Quanto mais dinheiro, mais poder e vice-versa.  E ambos são alimentados pelo ego.

A sociedade moderna nos quer convencer que dinheiro é felicidade ao mesmo tempo em que dinheiro é o que movimenta toda a maldade humana… quanta incoerência! Com dinheiro se compra vidas, se vende vidas, se troca vidas. É pelo dinheiro que o tráfico de todos os tipos se movimenta, é por dinheiro que muitos casamentos vão por água abaixo, é por dinheiro que os políticos se corrompem, é por dinheiro ou pela falta dele que milhões de pessoas passam fome, é por dinheiro que se fazem guerras, enfim, desde que o homem (ou o diabo mesmo) inventou essa praga chamada dinheiro (um conceito que se olharmos bem profundamente não tem razão de existir) o mundo tem se tornado cada dia pior. Dinheiro tem sido um estigma terrível para a sociedade, no entanto o sistema atual é o sistema mais dependente de dinheiro da história.

Novamente, até nas igrejas Mamom está. A Teologia da Prosperidade alimenta o ego dos pastores e sua ambição por dinheiro fácil, enquanto alimenta o mesmo desejo das ovelhas. Mamom tem se disfarçado de Jesus e enganado milhões de pessoas que estão em busca de receber algo de Deus, mas não estão dispostas a obedecê-lo.

Nunca uma civilização se ajoelhou tanto diante de Mamom como se ajoelha nossa sociedade moderna.  E por quê? Porque nossa cultura globalizada se baseia no imediatismo do “eu” e do “meu”. A globalização e a grande oferta financeira fizeram com que as pessoas olhassem para si mesmas, a ficarem cada vez mais egocêntricas. Este é o poder escravizante de Mamom, fechar as pessoas em si mesmas.

Baal e Mamom se unem para criar uma estrutura escravocrata onde os próprios escravos se escravizam…

ASTAROTE

Desde que a agricultura foi inventada, o ser humano adora a um tipo de divindade chamada de Deusa-Mãe. Isso porque para os povos que viviam da agricultura, a terra era comparada à mulher, no sentido da colheita (filhos) e períodos férteis (ciclo menstrual) o que gerou uma adoração a terra, que se transformou em uma divindade, a Mãe-Terra, também chamada nos mitos de Gea ou Gaia. As deusas-mãe foram sempre associadas à fertilidade e ao sexo. Das deusas-mãe mais conhecidas, Astarote é a que mais se destaca, por sua flexibilidade e facilidade de se adaptar aos diferentes ambientes culturais onde ela é adorada. Astarote é uma das concepções de divindades mais antigas do homem, tendo passado por diversas civilizações e com nomes diferentes: Astarte, Ishtar, Ísis, Afrodite, Vênus… eram todas a mesma deusa.

A filosofia por trás de Astarote é simples: justificar a prostituição, orgias, homossexualismo, lesbianismo, fornicação e toda sorte de coisas impuras relacionadas ao sexo.  Vejamos que sexo não é o problema em si, mas a idolatria ao sexo era o problema. Então precisava-se de uma divindade que apoiasse os atos sexuais ilícitos afim de agradar ao ser humano. Se uma pessoa casada desejasse fazer sexo com outra pessoa, bastava dizer que iria fazer um sacrifício para Astarote e então estaria tudo resolvido, posto que uma das formas de adoração à deusa era a hierodolia, isto é, a prostituição cultual. Muitas vezes nessas sociedades, as meninas eram submetidas à prostituição como forma de integração social, haviam festas orgiárquicas (como as saturnálias e os bacanais da Roma Antiga) e tantas outras. Sodoma, Gomorra, Babilônia, Grécia, Roma, Brasil, Holanda, Estados Unidos são um dos exemplos de culturas que são ou que foram submetidas ao domínio da impureza e da idolatria sexual.

Os dias atuais tem sido dias de glória para a deusa do sexo. Aliás, a palavra mais pesquisada na internet, a mais comentada nas mídias de massa como televisão, revistas e jornais, a conversa que mais encanta os jovens de hoje é justamente essa: sexo.  Temos sexo na televisão e nos filmes, sexo na internet, sexo nas ruas, nas praças, nas escolas… Nunca se faliu tanto de sexo como se fala hoje!

Problemas como prostituição, pornografia, pedofilia, estupro, incesto, homossexualismo e atentados sexuais são todos manifestações do poder de Astarote. E Astarote assim como Mamom e Baal, é alimentada pelo ego humano. Como antigamente, Astarote nunca aparece sem Baal ao seu lado. O governo sempre teve interesse em governar até mesmo a área sexual de seus cidadãos, e hoje vemos justamente isso. Com o incentivo descarado da mídia, o Estado tem modificado a sexualidade das pessoas, tornando-as promíscuas e hedonistas. Isso tudo faz parte de um projeto inacreditável de controle populacional. Incentiva-se desde cedo o sexo casual com qualquer pessoa (de preferência do mesmo sexo, pois assim não terá perigo de gerar filhos), então passa-se a oferecer serviços de “saúde reprodutiva” para abortar os indesejados, e assim cresce ao mesmo tempo a promiscuidade, o vício sexual e as doenças sexualmente transmissíveis, enquanto diminui consideravelmente a população do país e controla-se o que ela deve pensar, porque estarão tão cheios de atividade sexual que não terão tempo para pensar…

Vivemos num retorno à Sodoma, e temo que talvez fiquemos até mesmo pior do que esta…

A TRINDADE EGOCÊNTRICA

Baal, Mamom e Astarote… Pode-se dizer que eles formam uma trindade. Aliás, embora o conceito de trindade cristã não seja muito entendível para nós sobre o Pai, o Filho e o Espírito Santo, ele é facilmente encaixável aos deuses que acabamos de relatar. Se uma trindade é o conceito de três pessoas distintas unidas num só propósito e que (não me perguntem como…) as três pessoas são um só, então fica fácil aplicarmos para Baal, Mamom e Astarote. Sim, todos são as facetas de um mesmo deus: o Ego.

Baal é o Ego, Mamom é o Ego e Astarote é o Ego. E todos trabalham juntos e são unânimes num só propósito: glorificar o deus Ego. O agente de louvor? O próprio ser humano. Como disse Paul Washer, depois de destruir a morte e o inferno, Deus irá se virar contra o maior dos adversários, o homem.  Sim, o homem prefigurou-se como o pior dos inimigos de Deus. Mas não era o diabo? você pode perguntar.  Fique sabendo que o diabo não faz absolutamente nada de novo, senão se aproveitar daquilo que já é inerente no ser humano. A estratégia do diabo nunca foi se gloriar através desses falsos deuses, mas sim destruir o ser humano por dentro através da autoglorificação do próprio homem. Logo, o diabo sem o homem não passa de um cachorrinho sem dono vagando pelo mundo afora.

A Trindade Egocêntrica utiliza-se da natureza decaída do homem para destruir o próprio homem, através dos relacionamentos. Um homem obcecado pelo poder (Baal) irá ser levado a ter compulsão pelo dinheiro (Mamom) e poderá comprar quaisquer mulheres que quiser (Astarote) e assim acabará destruindo tanto a si mesmo quanto às pessoas envolvidas nesse processo todo.  Por isso, os três deuses estão em íntima interligação e unidade. O deus Ego é o deus de todas as religiões. Todos os outros deuses são meras nomenclaturas da Trindade Egocêntrica. Todos são meras concepções humanas para justificar um ato de rebeldia.

O Evangelho de Jesus faz justamente o contrário. Ele transforma o ser humano de forma que este se interesse por fazer o bem ao seu próximo, a fim de construir uma sociedade revolucionária, não mais baseada no egocentrismo nem em sistemas egocêntricos de governo, mas baseada no amor mútuo e verdadeiro, no serviço e no compromisso. Não uma sociedade baseada no eu e no meu mas no nós e no nosso. A essa sociedade, Jesus deu o nome de igreja.  Em essência, o Evangelho veio para nos libertar das cadeias que nós mesmos construímos.

Anúncios
Categorias:Meus Artigos, Reflexões
  1. 06/10/2010 às 22:58

    gostei tanto que usei no culto de minha igreja como ilustraçao.

  2. Sérgio
    15/10/2010 às 8:56

    Muito bom! Me deu fortíssimo subsídio para a preparação de uma pregação que farei para jovens sobre Timóteo trabalhando em Éfeso. Deus continue a te iluminar.

  3. Edna
    04/11/2010 às 12:47

    gostei muito que Deus te abençoa

  4. Admilson Simões
    13/11/2010 às 11:57

    Bom relato !!!

    Dou nota dez, no mínimo.
    Gostaria de ver mais textos desta mesma qualidade, queira o glórioso Deus que milhares de pessoas leiam isto e façam dele modelo de vida.
    Jesus Cristo é o Senhor para glória de Deus pai.

    Deus abençoe.

  5. 20/02/2011 às 15:39

    Muito bom,mesmo…

  6. Nilze Maria
    18/04/2011 às 10:28

    Excelente texto, simples, esclarecedor, de uma visão divina.

  7. Mara Rocha
    27/04/2011 às 16:26

    Olá! Na minha igreja comemara-se a pascoa,com coelho e ovos.E por não aceitar isso fui julgada e rebaixada de cargo.Que DEUS nos abençeo! Gostaria de saber a relação entre Astarote e a poscoa!

  8. eva
    07/05/2011 às 15:03

    gostei muito da colocação, muito clara e objetiva é isso que as pessoas precisam entender.Principalmente os que se dizem evangelicos.parabés!o Altíssimo Criador te abencoe!

  9. KLEYTON
    23/06/2011 às 14:12

    ONDE POSSO ENCONTRAR RELATOS SOBRE SACRIFICIOS PAGÃOS DAS NAÇÕES DO AT.?
    PRECISO MUITO… FICAREI GRATO. QUE DEUS EM CRISTO JESUS VOS ABENÇOE!!!

  10. Claudio Santana
    19/07/2011 às 14:02

    Deus continue te usando, e que o Ego não contamine você.

  11. LIDIANE
    26/08/2011 às 23:57

    artigo impressionante e muito esclarecedor!! Desde que me converti o melhor que ja vi na internet. Quando penso que ja fui adoradora desas aberrações e fui resgatada pelo nosso SENHOR jESUS CRISTO SÓ POSSO DECLARAR QUE O SENHOR REALMENTE FAZ NOVA TODAS AS COISAS!!!!!!!!!!!!!!

  12. 02/11/2011 às 19:56

    Quais as referencias que voce para trazer estas informacoes, cite pelo menos uma por favor pois eu gostaria de estudar a fundo…

    • 25/06/2015 às 10:41

      é só ler a bíblia meu caro, no livro de êxodo em diante Deus recomenda sempre que o seu povo esteja longe de tais deuses e seus cultos, que são abomináveis. E você pode comparar com livros da história antiga, todos os deuses e suas funções estarão lá, como Dionísio na grécia ou Baco em roma, o deus do vinho, das festas. Este é um deus cultuado muito mas muito mesmo até os dias de hoje.

  13. 16/11/2011 às 11:52

    Um dos melhores artigos que já li na web, claro, objetivo; Me fez refletir que deus estou realmente adoranto, vou orar para que Deus tenha misericórdia de mim e afaste estes deuses de minha caminhada.
    Abraço e A Paz de Deus.

  14. 13/12/2011 às 23:33

    Parabéns Renato, excelente texto…. sobre um tema que intriga cristãos e agnósticos…

  15. paullo
    03/01/2012 às 10:21

    nossa vendo a maioria dos comentários percebo que poucas pessoas intenderam a mensagem ,mano depois de ler uma verdade como esta so resta a todos sem execao se arrepender porque vivemos nesta terra dominados por poder ,dinheiro e sexo de uma forma ou outra estamos passando um prosseço de purificação mas e nesseçario um profundo arrependimento, teve gente que ate ta chateado de descer de cargo na igreja rsrsrr nossa nao entendeu nada , no reino de deus nao tem esta desgraça de um melhor que o outro
    a cruz e a renuncia de si mesmo” teve outro que ja ta querendo mais textos pra se aparecer na igreja com uma mensagem nova pra impressionar as pessoas lamentável pessoas que nao tem sensibilidade pra intender que so uma ideia pode vencer outra ideia somente adoração a deus verdadeiro que poderá sessar da a adoração a estes deuses
    me desculpa pela franqueza e que a vinte anos estou convivendo com pessoas de varias denominações diferente e o que mais tem visto sao pessoas que nao tem experiencias com deus mas sim com estes deuses e isso a começar por mim poristo me sinto depois de ler esta verdade completamente arrependido e quero a partir de hoje ter uma atitude completamente diferente com a força do espirito santo

    • Walter Santos
      02/12/2012 às 11:49

      Que o nosso Deus o abençoe. Arrependimento é consequencia do uso da fé racional. É um ato de nobreza diante de Deus que é perdoador. Foi muito bom ler o que escreveu. Paz.

    • Rodrigo
      25/10/2016 às 19:24

      Primeiro não tem como esses Deuses retornarem, pois Eles jamais desapareceram! Segundo são e sempre foram reais, suas representações em esculturas ou artes apenas davam dimensões visíveis de algumas de suas características. Terceiro, seu argumento é baseado em “achismos”. Quarto, a realidade sobre esses Deuses não está escrito em nenhum livro ou caverna. A verdade é mantida oculta e só é transmitida oralmente. Tudo o que vc escreveu é parte de um imaginário para difamar esses Deuses.

  16. Wadson
    08/01/2012 às 9:49

    Muito bom trabalho Renato, parabéns e que Deus continue te concedendo sabedoria para alertar a população jovem de nosso país.

  17. Miguel
    29/01/2012 às 5:51

    Obrigado Renato por essa informação sobre ,eu tenho um certo conhecimento sobre o assunto,,e pesquiso muito sobre cultura pagã,gostei Deus te abençoe.

  18. Lia
    02/02/2012 às 15:23

    Deus é imutável !Amém por isso! Quem tem ouvidos ouça o que o Anjo diz as igrejas.O assunto é de grande importancia para os que amam e servem a Deus. Para mim foi de grande ajuda para estudo.

  19. lacerda
    06/02/2012 às 9:44

    gotei muito, mais é importante voce classificar o que pode e que não pode se fazer entre um casal evangelico na ora de coabitar só para informação na questão da imporeza é muito importante tenho duvidas, se você poder fazer isso agradeço e que DEUS ti ilumine para você dar esta resposta!

  20. manoel dos santos
    09/03/2012 às 22:51

    boa noite, glorifico a Deus que ainda hoje inspira pelo seu Espírito Santo homens como voce para trazer estudos como este que nos traz uma clareza muito boa sobre o assunto.Que Deus te abençoe desde agora para sempre amem.

  21. conceição de maria lima bezerra
    18/03/2012 às 22:51

    gostaria de saber em qual livro da bíblia encontrarei a história de baal?

  22. Valeria Germania
    10/04/2012 às 19:13

    A paz do sr. Jesus , peço aos queridos irmãos , que leiam a biblia a ira de Deus, veio para Salomão exatamente porque ele passou a adorar Asterote, Moloque , esses deuses citados , as passagens estão em livros de reis . Glorifico a Deus , por nos abrir os olhos .

  23. JONAS
    28/04/2012 às 22:19

    Bom relato, simples e com fundamentos na palavra, faltou citar os livros,

    PARA ESTAR VERDADEIRAMENTE LIVRE DESSA IDOLATRIA DO EGO, SOMENTE PELA MISERICÓRDIA DE DEUS, MAS O OPOSTO DISSO SÃO OS FRUTOS DO ESPÍRITO, QUEM CRISTO VIVENDO E CRESCENDO DENTRO DE SI, NATURALMENTE VAI SE LIBERTANDO DE TODO O MAL.

    Toda honra, glória e poder, ao UNICO Deus Criador do ceus e da terra e tudo que neles há. AMEM

  24. marcelo serthore do carmo
    15/08/2012 às 11:10

    precisamos estar cientes dessas verdades,pra ser luz para nos mesmo e para o proximo.

  25. Sam
    23/10/2012 às 15:16

    Texto muito bom. Porém quando chega na parte de sodoma e gomorra, o irmão “chuta a pedra” e cai feio. Primeiro, as tais cidades não foram destruídas por homossexualismo como diz o sistema religioso católico-protestante de mamon e sim por total falta de amor ao próximo. (EZ 16.48.49). Leia todo o texto de gênesis sobre o assunto e tbm o ” livro de jasar”que irás notar. Tbm, (samuel 18.1-3; 19.1 ; 20.17; 20.41) … O fato de davi amar jonata mais que tudo, não quer dizer que ele adorava a astarot. O amor nunca e jamais vai ser pecado. A lei que rege o universo é o amor. Se eles “faziam amor” aí já não posso afirmar.

    • Luis Sant anna
      28/01/2015 às 13:43

      Olá. Sugiro ke leia EZ 16:48,49 e o 50 tb.

  26. Magela
    24/11/2012 às 8:18

    Muito esclarecedora essa mensagem, não precisamos em falhas ou suposições, mais uma vez o deus ego esta presente, devemos ter um coração e uma mente renovados em Cristo Jesus, e permitir que o Espírito Santo trabalhe em nossa natureza pecaminosa para que tenhamos uma verdadeira semelhança de Cristo e so assim agradar ao nosso Deus criador do ceu e terra e tudo que nela ha, pois todos somos dependentes Dele.

  27. Camilo Barbosa da Silva
    30/11/2012 às 10:54

    Pelo menos, nós os adoradores de Baal, Isthar e Mamom não somos HIPÓCRITAS, assumimos que amamos o sexo e o dinheiro, ao contrário dos nossos críticos cristãos que dizem valorizar a espiritualidade mas na verdade ao longo da história criaram uma Igreja/Estado rica e fundamentaram o sistema capitalista com o calvinismo…hj assistimos a proliferação de igrejas pentecostais que só visam o imediatismo e algumas aderiram a Teologia da Prosperidade que nada mais é do que a adoração a Mamom. A diferença que nós os mamonistas o adoramos sem disfarces!

    • Camilo Barbosa da Silva
      05/12/2012 às 14:43

      Reconheço porém que existem cristãos que realmente são desapegados dos valores materiais, e não são obcecados por riquezas materiais e poderes terrenos. Aí em cima me referi aos que criticam os adoradores de deuses pagãos, porém são cristãos ainda mais apegados ao mundano do que nós baalistas

  28. Walter Santos
    02/12/2012 às 11:42

    Realmente gostei muito. Apenas uma ponderação sobre a questão religião enquanto o conjunto de regras que o seu autor criou para que o homem tivesse relacionamento com Ele, caso quisesse. Para o meu entendimento, minha religião é o cristianismo pois sigo as leis de Cristo, explicitadas no Sermão do Monte. Vejo também que quem ama a Deus é aquele que O obedece. Obediência implica em estar submisso à leis. A isto, chamamos religião. Decidir ser cristão é decidir seguir os caminhos, regras ou leis de Cristo. Temo um pouco pela frase que grita pelas redes sociais: Não tenho religião. Tenho Deus! – As pessoas estão querendo Deus, mas sem normas, do jeito delas. Isto é preocupante. Disse com muito amor, respeito e gratidão pelo seu texto. Pr. Walter Santos; Teólogo UFG-PUC GO- CETEO – SETECEB com pós graduação em Psicologia Pastoral – Universidade de Filadélfia.

  29. Valnei Silva
    23/12/2012 às 18:00

    Gostei muito a explanação, da trintade maldita, infelizmente hoje tem muitos lobos(pastores maçons eluminatis) no meio do povo de YHWH, a palavra nos fala em apocalipse 17 e 18, sai dela(babilonia) povo meu, o nosso Eterno está restaurado o seu povo, os verdadeiros adoradores.. Que o Shalon de Yahushua, continua na sua vida amado.
    Shalon..

  30. Edenice
    23/03/2013 às 13:07

    Amei, esse texto é direto, rico de conhecimento, verdadeiro é preciso! Vou usá-lo se me permitires no meu programa na rádio, para alertar aos irmãos! Aos pastores! Parabéns, completou a minha pesquisa de construção do próximo programa. Muito obrigada! E, que Deus te abençoe! Te encha de Graça!

  31. Sancho
    23/03/2013 às 13:37

    Você foi inspirado! Que Deus o abençoe!

  32. Jéssica
    23/03/2013 às 22:57

    paullo :
    nossa vendo a maioria dos comentários percebo que poucas pessoas intenderam a mensagem ,mano depois de ler uma verdade como esta so resta a todos sem execao se arrepender porque vivemos nesta terra dominados por poder ,dinheiro e sexo de uma forma ou outra estamos passando um prosseço de purificação mas e nesseçario um profundo arrependimento, teve gente que ate ta chateado de descer de cargo na igreja rsrsrr nossa nao entendeu nada , no reino de deus nao tem esta desgraça de um melhor que o outro
    a cruz e a renuncia de si mesmo” teve outro que ja ta querendo mais textos pra se aparecer na igreja com uma mensagem nova pra impressionar as pessoas lamentável pessoas que nao tem sensibilidade pra intender que so uma ideia pode vencer outra ideia somente adoração a deus verdadeiro que poderá sessar da a adoração a estes deuses
    me desculpa pela franqueza e que a vinte anos estou convivendo com pessoas de varias denominações diferente e o que mais tem visto sao pessoas que nao tem experiencias com deus mas sim com estes deuses e isso a começar por mim poristo me sinto depois de ler esta verdade completamente arrependido e quero a partir de hoje ter uma atitude completamente diferente com a força do espirito santo

  33. Jéssica
    23/03/2013 às 23:01

    Deus me perdoa …. nos perdoe … precisamos tomar atitude e nos arrepender …. abra nossos olhos espiritais que venhamos nos concertar …. E servir e Adorar só a Ti Rei dos reis e Senhor dos senhores…. me perdoe ,…..

  34. Gabriel Alves
    01/04/2013 às 20:21

    Muito Bom !

    Mas a comparativa “Ateus adoram aos Deuses sem saber” foi meio que um chute “nas bolas Ateias” =S

    Sem crise irmão !! Deuses são Ilusões criadas afim de controlar uma “série de pessoas” sem coragem de assumir a verdadeira “face” Mundial !!

    Muita maconha, talvez simm rsrs’

    Enfim, não vai demorar muito, e afirmo isso ! É questão de tempo para o fim, da religião ?!
    Não !!
    O fim de todos os seres que estiverem contra um Novo Governo – Controlado pelos “Seres Superiores” as Famílias mais ricas do Mundo.

  35. fabio
    11/07/2013 às 19:58

    gostei do seu estudo sobre mamom , posso a firmar que esta tudo certo pois frequento uma casa de umbanda onde existe uma entidade que se denomina mamom, e ja conversei com ele , onde ele me contou estas historias , onde o ser mau somos nos mesmos ,tanto que seu estudos e comentarios vao ser usados em cultos de igrejas

    • MARCIO A.OLIVEIRA
      15/11/2013 às 1:41

      sim fabio, porque nós tentamos através de sermões despertar a verdade sobre os nossos erros,não somos perfeitos,somos transformados pela palavra de DEUS,e a exortação trás concerto, por isso nós usamos os estudos como sermões nos cultos, para mudarmos para melhor. te aconselho participar de um culto a DEUS que te formou e JESUS que morreu e ao terceiro dia ressucitou por todos aqueles que quiserem recebe-lo como seu:único,suficiente,exclusivo e eterno SENHOR e salvador. que DEUS te abençoe em nome de JESUS, AMÉM!

  36. tina
    23/07/2013 às 20:36

    legal apesar de antigo e já escrito.

  37. Propheta Repórter
    28/07/2013 às 14:06

    ÓTIMOOOO!!! mUITO CLARO O CONHECIMENTO, SIMPLESMENTE AMEIII!!! PARABENS MESMOOO PELO EXCELENTE ARTIGO E OBRIGOOO SEMPREEEE MESMO, VIU!!! ASSINA PROPHETA REPÓRTER

  38. Abraxas
    06/08/2013 às 1:45

    Achei ridículo, bem desconexo, preconceituoso e ignorante. Só poderia vir de cristãos. E o termo certo é HOMOSSEXUALIDADE.

    • NONATO RAMOS
      22/04/2014 às 22:09

      Meu pai é um ex-satanista. Abraxas é um demônio, subordinado ao demônio Leviatã que age em Sao Paulo. Quem honra o diabo e seus demônios ira para o Lago de Fogo juntamente

  39. juliano
    15/08/2013 às 23:23

    muito bom irmao, belo texto !!!! que a paz do SENHOR Jesus continue com vc !!! E que as pessoas q lerem isso o espirito santo d Deus possa toca-las e elas refletirem .

  40. Priscila
    14/11/2013 às 9:02

    Tirei minhas dúvidas a respeito, gostei do texto.

  41. Gilberto
    28/12/2013 às 13:19

    . A palavra Ego tem a ver com o “eu” inflacionado pelo pecado o que pode ser resumido na palavra “si”,
    Como assim.
    “si mesmo”
    Esta é a base onde o diabo atua. Quando adão e eva pecaram deixaram de viver por Deus,
    e para Deus e passaram a viver para si mesmo ou seja, para o ego.
    Em II Coríntios 5:15 está escrito ” Ele Jesus morreu por todos para que os que vivem não vivam mais para si mesmo, mas para aquele que por nós morreu e ressuscitou”
    Se você está em Cristo, ele já ele já te incluiu na sua morte e ressurreição.
    Isso já é um fato, passe a viver essa realidade diariamente, conforme está escrito em gálatas
    capitulo 2 versículo 20, no inicio você vai encontrar dificuldade e resistência, mas não desista, se descer da cruz, volte para a cruz novamente, com a ajuda do Espirito Santo, você
    chega lá.
    “quem vive de acordo com a carne tem a mente voltada para os desejos da carne, quem tem a mente voltada para o espirito tem a mente voltada para os desejos do Espirito”

  42. Jessé
    20/01/2014 às 0:44

    Um texto mais que inteligente !
    Parabéns e que DEUS te abençoe !
    Palavras sabias, e que deixam ainda mais gente assim como nós que apenas seguimos um DEUS mais sossegado!

  43. cicero jose dos santos
    19/03/2014 às 15:50

    Satanás Sempre quis ser “Deus” como Deus no sentido de poder; Deus é “trino”Satanás no apocalipse também o é,”dragão, besta e falso profeta. Nos seus escritos, atualizados como:Poder,Dinheiro e Sexo, a trilogia moderna desses Deuses antigos.
    Parabéns meu amigão pelo excelente texto e de profundo interesse interpessoal.

  44. 15/04/2014 às 10:11

    Nossa muito bom mesmo o texto….gostei ,como pode né antigo e tão atual?Mas a palavra do Senhor ela se renova a cada manha.Que Deus abençoe muito .

  45. 22/04/2014 às 14:32

    Sou um incipiente escritor; fazendo a loucura de escrever dez livros concomitantemente. Se fosse conceituar esse artigo, elevaria-o à categoria de SINGULAR. Não sei qual vosso credo, todavia concito a persistir nesse caminho. Uma bênção para o Brasil. Serviu de subsídio para dois dos livros que estou escrevendo: A VIOLÊNCIA, PORQUE O BRASIL ESTÁ ASSIM e HOMOSSEXUALISMO MASCULINO E FEMININO, A DETURPAÇÃO DO SANTUÁRIO. Se almejares acessar meus blogs: http://pastornonatoramos.blogpost.com Orarei para que Deus continue a te iluminar. Não de corrompa. ATT. Pastor Nonato Ramos (Tradicional Assembleiano)

  46. 22/04/2014 às 14:34

    correção do blog: http://pastornonatoramos.blogspot.com

    gentileza acesse.

  47. mestussael
    02/08/2014 às 21:43

    para definir este artigo só posso dizer que é extraordinário e alegro o meu coração em saber que Deus ainda continua inspirando e iluminando muita gente, parabéns

  48. maria
    10/08/2014 às 23:20

    Sem dúvidas um texto inspirado pelo espírito santo!!!Que Deus continue abençoando.

  49. Natany
    20/08/2014 às 0:28

    Muito bom. Ótima explicação. Parabéns.

  50. Vivian
    10/09/2014 às 0:26

    Parabéns Renatim, aprendi muito com o seu estudo, q Deus continue te abençoando e te dando sabedoria!!!!!!

  51. eliel
    02/11/2014 às 12:53

    Sr. Renato, de grande entendimento e sabedoria foi ter feito esta matéria. deus te dê prosperidade em dôbro!

  52. Flavio
    24/11/2014 às 17:11

    Vai caçar uma enxada!

  53. matuzalem gomes dos santos
    30/11/2014 às 13:02

    em tempo e fora de tempo e hora de
    expor a verdade

  54. 13/12/2014 às 21:29

    Gostei dos seus comentários em seu Blog.
    Também , sempre fui avesso às religiões. Jesus não veio a este mundo implantar nenhuma. Ele veio mostrar um “Caminho” que é Ele mesmo. Revelar uma Porta que foi por Deus, aberta no céu: que é Ele mesmo; dizendo assim: Eu sou a Porta, se alguém entrar por mim salvar-se-á…Para despertamento de muitos quero aqui deixar meu Comentário;Você já parou para meditar na ´passagem de apocalipse cap. 18 : verso 23 parte b? Porque os teus Mercadores eram os Grandes da Terra: Enganaram todas as Nações com suas feitiçarias; eram feiticeiros e Bruxos e foram culpados do sangue dos profetas e dos santos , e de todos os que foram mortos na terra;eram assassinos sanguiários. Considerando o significado de “Babilônia”, aqui recai uma forte acusação sobre todos os babilônicos de todas as épocas. A pergunta é: Quem são eles na nossa atualidade? Quem se arrisca a apontar alguns deles? Antes de comentar, quero lembrar que o Apóstolo são João falou sobre os anticristos… I João cap. 2 : 18… Na verdade o espirito anticristão se origina com Caim, o primeiro que se revela pelo número seis quando fere o sêxto mandamento. Da mesma forma, seu tetraneto Lameque cometeu duplo homicídio ferindo o sêxto mandamento, e daí para frente podemos lembar de Faraó, Senaqueribe, Nabucodosor, Herodes, Nero Hitler, e muitos outros que a história não registrou. Hoje deparamos com uma organização, a maior do planeta. que controla a humanidade,por dois Poderes; o Político, e o Religioso, estou me refeindo à ONU – Organização Das Naçoes Unidas.Associem os Capítulos Sete(7) de Daniel, e os versículos sete e oito, com os capítulos treze (13) de apocalipse, e o capítulo dezessete(17) de apocalipse versículos cinco(5) ao doze(12) e vejam o panorama da Babilõnia que vem causando a maior confusão na terra dos viventes desde o princípio da criação? As duas Bestas de apocalipse treze, nos faz refletir sobre essse tão importante assunto, principalmete para os evangélicos. Fica a pergunta quem serão essas Bestas? O homem poderá ser uma “Besta”? Analizando a questão, uma besta é pela lógica um animal que leva carga, e não existe carga mais pesada que não seja o pecado, logo, todo aquele que pratica a maldade é considerado” uma besta” Porém se o pecado teve origem em lúcifer que se transformou em diabo e satanás , a antiga serpente, veja apocalipse doze (12) versículo nove(9), ele é a Principal de todas as Bestas , Concordam?. voltarei a comentar neste Blog.

  55. Geranilson
    27/12/2014 às 19:06

    Não há tempo à perder meus amados… arrependei-vós de todo vosso coração para que seus pecados sejam perdoados e comecem uma nova vida.

  56. maria jose santos
    12/02/2015 às 13:11

    Concordo plenamente , as pessoas só pensam em dinheiro , poder ,sexo desenfreiado não estão nem aí pra ninguém infelizmente até nas igrejas estamos vendo isso , Deus nos ajude !

  57. Marcos
    30/06/2015 às 6:31

    Santo Inácio de Antiquia disse:
    “…O Ter, O Ser e o Poder são os alvos preferidos do demônio para tentar separar o homem de Deus.” baseado na tentação de Jesus no deserto.
    Fiquei extremamente feliz e alentado com o seu texto, Deus o abençoá.

  58. israel
    31/08/2015 às 21:47

    ” Que artigo maravilhoso , cheio de inspiração. Grato meu !!!

  59. Samaria
    23/10/2015 às 18:34

    Ridículo! Totalmente sem fundamento histórico. Baseado apenas na crença de evangélicos idiotas e fanáticos, que nesse dualismo eterno de bem e mal buscam deuses antigos para embasar suas teorias loucas.

  60. 25/10/2015 às 10:01

    MATÉRIA MUITO RICA E ESCLARECEDORA, ASSINO EMBAIXO. UMA PEQUENA OBSERVAÇÃO QUE FAÇO É QUE O EVANGELHO DE JESUS FOI MUITO ALTERADO PELA TRINDADE QUE ACABA DE RELATAR, E AGORA?

  61. cleide
    02/12/2015 às 13:40

    Parabéns Renato, excelente trabalho, facilitou muito minha aula onde vou falar de liberdade cristã. Muito obrigada!!!

  62. Elizabete
    03/03/2016 às 19:00

    Muito bom para nos instruirmos sobre os ídolos que se corromperam os homens, estava lendo 1 Reis cap. 11 falando sobre o pecado de Salomão, resolvi pesquisar, que Deus continue te usando para nos abençoar

    • Marcio
      28/03/2016 às 16:06

      Quem será o “demônio” responsável pela ignorância? Crentelhos não enchem os bolsos do Pastor de dinheiro, em todo “culto” que se vê?
      A sacolinha serve para que? Fazer café?
      Templos enormes e caros, são ou não a mais pura ostentação?
      O suposto poder de influência, por parte do Pastor e sua corja, não servem da mesma forma à interesses excusos?
      Seja em nome de demônios ou de Jesus(sabe-se lá se ele já existiu), o nível de exploração de idiotas e acéfalos é exatamente o mesmo.
      O dinheiro não tem religião!!!

  63. Rosângela Pereira
    07/07/2016 às 19:26

    Muito bom.

  64. gilvan rineiro
    16/10/2016 às 23:47

    Muito bom gostei muito.

  65. Ragnar Junior
    20/11/2016 às 22:51

    Esse deuses, ou demonios, só existem na sua cabeça cristã, aconselharia você aproveitar ao máximo sua vida porque ela só vem uma vez… Somos todos poeira cósmica, e um dia tudo isso aqui vai se acabar, e é pro espaço que voltaremos!

    • 11/01/2017 às 13:05

      Junior, permita-me discordar de sua visão ateísta. Não sou poeira cósmica, sou fruto do casamento em amor entre um homem e uma mulher. Sou “barro” na mão do Oleiro (Deus Criador). Vivo, não para aproveitar o máximo, mas para me identificar com meu Pai. Você esta correto ao afirmar que a vida é uma só, ela é preciosa demais para gasta-la imprudentemente, por isso pense bem de quem são estas idéias que rondam sua mente. Fale com seu pai sobre a sua concepção, creio que isso te ajudará a perceber que você tem valor.

  66. Rosberg Oliveira
    13/04/2017 às 12:33

    MANO, top seu texto. Gostei e me foi util. Só uma coisa: como assim vc entende tanto de tudo o q falou mas não entende a trindade santa pai, filho e o Espírito Santo.? O diabo quer copiar tudo q vem de Deus e ser Deus… Num te entendi mas tudo bem.. Deus te abencoe. Vamos seguir tentandoo vencer o Ego. Para melhor entendimento, leia livros do Watchmann Nee

  67. 1566telaviv
    01/05/2017 às 16:33

    Muito bom texto. Visão muito interesante da idolatria, pois tudo é mesmo centrado no ego. Até quando fazemos o bem existe o perigo disso ser um ato egoísta. É uma desgraça mesmo e só D’us para nos libertar junto com uma grande força de vontade e vigilancia.

  1. 20/03/2015 às 13:03
  2. 24/03/2015 às 0:52
  3. 23/08/2015 às 5:26

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: